COTESP acontece em Ribeirão Preto (SP)

O COTESP (Congresso de Ortopedia e Traumatologia do Estado de São Paulo) acontecerá de 23 a 25 de junho no Centro de Convenções de Ribeirão Preto e contará com mais de 500 especialistas

De 23 a 25 de junho, será realizada a 26ª edição do COTESP, o grande congresso de Ortopedia e Traumatologia do Estado de São Paulo, organizado pela SBOT-SP (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – Regional São Paulo). Realizado bianualmente, o evento reúne os ortopedistas paulistas, além de residentes e estudantes de medicina.

Com o tema: “Evidências na abordagem das lesões articulares – do diagnóstico ao tratamento”, o COTESP abordará, através de discussões e aulas, as subespecialidades da Ortopedia, além de atividades de interesse aos residentes de todo o Brasil.

Segundo o presidente do evento, Roberto Dantas Queiroz, a frequência das lesões articulares está cada vez maior, tanto traumáticas quanto degenerativas e por isso a escolha do tema. “Hoje em dia o nível de atividade esportiva e atlética faz com que a gente tenha lesões degenerativas e traumáticas mais precoces. Por isso tivemos a ideia de apresentar uma discussão ampla no que existe de mais atual sobre o tratamento e o diagnóstico”, explica.

Olimpíadas 2016 também será tema no congresso
Aproveitando o ano olímpico, o COTESP terá em sua programação um módulo voltado para a discussão das lesões mais frequentes nos atletas olímpicos, além de assuntos relacionados a eventos esportivos.
Temas como instabilidade no ombro esportista, lesão de cartilagem em atleta, tríade da mulher atleta, atendimento de emergências em eventos esportivos e o preparo do Brasil para os jogos, e até o controle do antidoping estão na programação. “Vamos aproveitar o gancho das Olimpíadas para discutirmos muito a respeito sobre os principais tratamentos, avanços e organizações estruturais para um evento esportivo de grande porte”, acrescenta Dantas.

Foco nos residentes
O evento também terá um importante foco nos residentes de Ortopedia e Traumatologia. Para isso, foi montada uma vasta programação voltada para o preparo do exame para obtenção de título de especialista, o TEOT, com a realização de provas teóricas e workshops. “São esperados residentes de todo o País que aproveitam o congresso para se prepararem para a mais importante prova de título em Ortopedia e Traumatologia”, acrescenta Roberto Dantas.

Envio de Temas Livres
Os ortopedistas que quiserem enviar seus trabalhos científicos para o congresso têm até o dia 03 de junho. Os trabalhos deverão ser submetidos online no site: www.cotesp.org.br. Ao encaminhar o trabalho para avaliação, o autor principal deverá obrigatoriamente estar inscrito no congresso.

Os trabalhos científicos serão analisados pela Comissão Científica com base nos critérios estabelecidos. Todos os trabalhos apresentados oralmente serão avaliados durante o congresso, concorrendo a dois prêmios conforme sua categoria: “Estudo experimental” ou “Estudo clínico”. O melhor trabalho de cada categoria será premiado. Os melhores pôsteres serão premiados com certificados.

Os trabalhos enviados que estiverem de acordo com o tema oficial do congresso: “”Evidências na Abordagem das Lesões Articulares – do Diagnóstico ao Tratamento”, poderão ser chamados para participar oficialmente, como parte da programação científica do evento.

Inscrições
As inscrições já estão abertas e podem ser feitas diretamente no site www.cotesp.org.br. Após efetuar o pagamento, a organização do COTESP entrará em contato confirmando a inscrição por e-mail em até 10 dias.

Open chat